CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Nado Sincronizado

19/01/2018 17:21:26

Mistura do Brasil com a Rússia: Dueto treina com campeãs olímpicas no Maria Lenk


De olho no Sul-Americano, Maria Clara Lobo, Luisa Borges, Duda Miccuci e Juliana Damico treinam com equipe campeã olímpica

Foto: CBDA/Divulgação Mistura do Brasil com a Rússia: Dueto treina com campeãs olímpicas no Maria Lenk
19/01/2018 17:21:26

(Rio de Janeiro, 19 de janeiro de 2018) O dueto brasileiro terá, até o próximo sábado (27), a oportunidade de interagir e trocar experiências com algumas das principais atletas de nado artístico do planeta. As russas, atuais campeãs olímpicas, estão no Rio de Janeiro para o período de treinos e compartilham a piscina com as atletas do Brasil. Maria Clara Lobo, Luisa Borges, Duda Miccuci e Juliana Damico estão em período de treinamentos para a temporada 2018.

Os treinamentos das brasileiras são comandados pelas técnicas Roberta Perillier e Andrea Cury. Nesta semana de intensivo realizado no Parque Aquático Maria Lenk, as meninas do Brasil se preparam para as principais competições do ano pela seleção brasileira, além de absorver informações das nadadoras russas.

“A gente faz esse intercâmbio há muitos anos. Hoje, temos a forma de construir coreografia parecida com a Rússia. Tenho um carinho especial, pois fui atleta da Tatiana (técnica russa) e ela me ensinou muito do que eu sei hoje. O coração bate diferente. Esse ano é preparatório para os Jogos Pan-Americanos e temos dois Sul-Americanos. Queremos que os duetos tenham boas notas já no início da temporada, então temos que trabalhar duro”, disse Roberta Perillier.

Treinadora das Russas, Tatiana Pokrovskaya conta que vir o Brasil já é uma tradição para as meninas e fica muito satisfeita com a estrutura do Parque Aquático Maria Lenk, na preparação da seleção europeia para as competições continentais de 2018.

“Tratamos como nossa segunda casa, somos amigos e gostamos de vir aqui. Nos dois primeiros anos pós-Olimpíada, alguns atletas partem para outros projetos, alguns param de treinar, então são muito difíceis, então usamos esse ano para preparar mais as categorias de base e vir ao Brasil é muito bom para isso”, falou a treinadora.

Atleta olímpica do Brasil nos Jogos Rio 2016, Luisa Borges destacou a importância de treinar com atletas tão experientes em um momento importante de criação de coreografia para a temporada 2018.

“Estamos em um período de treinos bem pesado. Estamos chegando ao Parque Aquático Maria Lenk por volta das 7h e saindo só às 19h, mas sabemos que isso é só para nos deixar melhores para os desafios que vamos enfrentar nesta temporada”, falou.

As atletas brasileiras se preparam para a disputa dos Jogos Sul-Americanos, que serão realizados em maio, em Cochabamba, na Bolívia, e para o Campeonato Pan-Americano de Desportos Aquáticos, que serão em Trujillo, no Peru. 


Departamento de Comunicação - CBDA