CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Natação

06/08/2016 16:27:33

França bate recorde continental de sete anos


Jogos Olímpicos Rio 2016

Foto: Satiro Sodré/CBDA/SS PRESS França bate recorde continental de sete anos
06/08/2016 16:27:33

Rio de Janeiro/RJ - Demorou o mesmo tempo da conquista da sede  Olímpica até a sua realização no Rio de Janeiro, mas caiu. Felipe França Silva, nas eliminatórias dos 100m peito passou à final da prova na noite deste sábado, 6/08, com o terceiro melhor tempo da disputa, 59s01 e botou a baixo o recorde sul-americano da prova, 59s03, que Henrique Barbosa fez no Mundial dos Esportes Aquáticos de Roma, em 2009. Para melhorar, além de França, o Brasil também terá João Gomes Júnior na semifinal da prova. Ele se classificou com o oitavo tempo (59s46) entre os 16 semifinalistas.

A disputa dos 100m peito fez o primeiro recordista mundial de natação dos Jogos Olímpicos Rio 2016. O britânico Adam Pity (57s55) bateu a própria marca, 57s92, feita em abril do ano passado.

— Foi uma classificatória para a semifinal muito boa. Eu ainda segurei um pouquinho no final, coisa que eu nunca consegui fazer e isso fez com que eu pudesse garantir uma bela marca na semifinal. Creio que é um tempo muito forte (recorde mundial do britânico Adam Peaty), mas a gente já esperava isso. Na final é tudo ou nada tanto eu, quanto ele, o João ou Cameron pode classificar bem e quem sabe “triscar” essa medalha — disse França.

João tem tempo melhor do que o feito na estreia olímpica: 59s06. Esta é a primeira participação em Jogos Olímpicos do nadador capixaba.

- Gostei, achei interessante pra primeira queda na água e ainda por cima na primeira Olimpíada e em casa. Lógico que há pontos a acertar para a tarde, e é botar a cabeça no lugar, pois ainda não acabou. Tem mais duas caídas na piscina e não vamos deixar fácil esta medalha escapar da gente, não. O Peaty deu o seu recado ao fazer um tempo bem forte, mas a prova não acabou ainda. Não se pode defini-lo como campeão olímpico já. Tem hoje à noite e amanhã, e tudo pode acontecer. Com este público gritando a favor, nossa senhora! É um gás a mais, é uma força indescritível que senti na hora. Agora é descansar pra Semi com a cabeça entrando no eixo e a temperatura diminuindo um pouquinho — desabafou.

João Gomes Junior / fotos: Satiro Sodré / SSPress / CBDA

A natação brasileira conta com recursos dos Correios - Patrocinador Oficial dos Desportos Aquáticos Brasileiros -, e ainda do Bradesco/Lei de Incentivo Fiscal, Lei Agnelo/Piva - Governo Federal - Ministério do Esporte, COB, Speedo e Estácio.




Eliana Alves Cruz/Souza Santos/Mariana de Sá