CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Natação

30/06/2018 16:18:41

Luiz Altamir é campeão, Cachorrão bate recorde Sul-Americano, e Brasil conquista mais sete medalhas no Sette Colli


Gabriel Fantoni, Brandonn Almeida, Bruno Fratus, Pedro Spajari e João Gomes Júnior foram os outros medalhistas deste sábado.

Foto: CBDA/Divulgação Luiz Altamir é campeão, Cachorrão bate recorde Sul-Americano, e Brasil conquista mais sete medalhas no Sette Colli
30/06/2018 16:18:41

(Rio de Janeiro, 30 de junho de 2018) Luiz Altamir Melo conquistou a medalha de ouro nos 200m borboleta do Torneio Sette Colli, um dos mais tradicionais da Natação, realizado em Roma, na Itália. Nas disputas deste sábado, o Brasil ainda conquistou mais seis medalhas com: Gabriel Fantoni, Brandonn Almeida, Bruno Fratus, Pedro Spajari, João Gomes Júnior e Guilherme Costa.

Para ser campeão do torneio, Luiz Altamir nadou os 200m borboleta para 1m55s83. O nadador do Pinheiros bateu o húngaro Tomas Kenderesi (1m56s72) e o britânico James Guy (1m56s88). Esta foi a segunda medalha de ouro para brasileiros, já que Etiene Medeiros, que representa o Sesi-SP, conquistou os 50m costas na última sexta-feira.

O homem-recorde da Natação do Brasil atacou novamente. Guilherme Costa, o Cachorrão, que já havia batido o recorde Sul-Americano dos 800m livre nesta temporada, durante o Troféu Brasil, estabeleceu uma nova marca neste sábado ao completar a prova com o tempo de 7m50s92.

Depois de conquistar a prata nos 50m costas, Gabriel Fantoni repetiu o bom desempenho para obter novamente o segundo lugar no pódio nos 100m. Quem também ficou com a medalha de prata neste sábado foi Brandonn Almeida. O atleta do Corinthians nadou os 400m medley para 4m15s51 e também foi ao pódio da competição.

Na disputa da prova mais tradicional da Natação, o Brasil estava lá no pódio novamente e com dois representantes. Bruno Fratus (48s58) e Pedro Spajari (48s72) ficaram com a prata e o bronze, respectivamente, nos 100m livre.

Nos 50m peito, João Gomes Júnior mostrou porque é vice-campeão do mundo na prova. O atleta do Pinheiros nadou para 27s e ficou com a prata. O ouro foi para Adam Peaty – campeão do Mundo em 2017 – que fez 26s41.


Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA)

Fundada como Confederação Brasileira de Natação (CBN), em 21 de outubro de 1977, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos completou 40 anos de fundação, em 2017. Atualmente, o presidente da CBDA é Miguel Cagnoni.

A nomenclatura foi mudada em 1988 para adequação, já que a CBDA administra cinco modalidades: natação, maratona aquática, pólo aquático, saltos ornamentais e nado sincronizado. A CBDA, atualmente, tem todos os 26 estados brasileiros, além do Distrito Federal, como federações filiadas.

Os Correios, patrocinador oficial da entidade, são parceiros da Confederação desde 1991 e é parte de todas as medalhas e formação de novos atletas nas cinco modalidades.


Departamento de Comunicação - CBDA