CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Natação

05/11/2019 19:52:07

Medalhista no Mundial, Murilo Sartori quebra recorde nos 200m livre; Bruna Leme e Fernando Santos brilham


Bruna Leme e Fernando Santos estabeleceram as novas marcas de campeonato nos 200m peito

Foto: Ricardo Sodré/SSPress/CBDA Medalhista no Mundial, Murilo Sartori quebra recorde nos 200m livre; Bruna Leme e Fernando Santos brilham
05/11/2019 19:52:07

(Rio de Janeiro, 5 de novembro de 2019) Medalhista de bronze no Mundial Júnior de Budapeste, em setembro, Murilo Sartori caiu na água pela primeira vez no Troféu Julio de Lamare nesta terça-feira (5). Foi o suficiente para o atleta de Americana, no interior de São Paulo, estabelecer o novo recorde de campeonato dos 200m livre. Bruna Leme e Fernando Santos brilharam e estabeleceram as novas marcas nos 200m peito.

+ Veja os resultados do Troféu Julio de Lamare

Grande favorito dos 200m livre depois de ter conseguido a única medalha do Brasil no último Mundial Júnior, Murilo Sartori confirmou o que era esperado: ouro e recorde de campeonato. O atleta de Americana nadou para 1m48s12 e quebrou a marca que era de André Calvelo. A prata foi para Wander Lucas Souza (1m52s45) e o bronze para Tiago Camarão (1m53s55).

"O recorde era até um pouco esperado pelo que eu fiz esse ano. Estava dentro do planejado. Queria nadar na casa do 1m46s. Seria o ideal. Foi bom para ver o que eu preciso arrumar e temos tempo até o Troféu Brasil - Maria Lenk, que será a seletiva olímpica", explicou Sartori

Bruna Leme foi a primeira a quebrar recordes na edição de 2019 do Troféu Julio de Lamare. A atleta do Corinthians não só venceu os 200m peito Junior 2, como estabeleceu o novo recorde de campeonato com 2m31s80. Fernanda Goeij, do Curitibano, terminou com a prata (2m38s67) e Sofia Silva, do Sesi-SP, com o bronze (2m39s86).

“Não foi a minha melhor marca, mas foi a melhor nesta competição então isso me deixa bem satisfeita. Saio feliz também com meu desempenho e com o recorde que é bem importante para mim e para a equipe”, falou.

Na versão masculina da prova para Júnior 1, Fernando Santos driblou todas as dificuldades encontradas no último mês para sagrar-se campeão e novo recordista de campeonato dos 200m peito. Ele completou a prova com 2m14s74 e conquistou o título. A prata foi para João Victor Cabalero, do Iate Clube de Brasília, com 2m21s40 e o bronze para Nicolas Souza, do Minas Tênis Clube, com 2m22s43.

“Esse último mês foi muito difícil para mim. Tive alguns problemas de família, lesionei a virilha e fiquei quase duas semanas sem nadar peito. Mas eu tenho muita fé e acredito muito em mim. Se eu caio na água, é para vencer e consegui fazer isso aqui hoje”, explicou.


Olho em Tóquio

André Calvelo fez parte do revezamento 4x100m livre no Mundial de Gwangju, na Coreia do Sul, em julho, e é o único integrante da seleção brasileira adulta que participa do Julio de Lamare. Aos 19 anos e com a oportunidade de participar de uma das equipes mais respeitadas do mundo na Natação, o atleta valorizou os feitos conquistados em 2019 e a medalha neste Julio de Lamare.

“Tenho que agradecer a toda a equipe da Unisanta e todos que contribuíram para que eu tivesse esse ano tão bom. As pessoas, às vezes, apressam as coisas. Há dois anos, eu ganhava meu primeiro brasileiro. Agora, faço parte de uma das equipes mais fortes do mundo no 4x100m. Estou muito feliz por isso e quem sabe estou nos Jogos Olímpicos do ano que vem”, comemorou.

A competição segue nesta quarta-feira, com eliminatórias às 9h30 e finais às 17h30 (de Brasília). As provas desta quarta serão: 400m medley, 100m livre, 200m costas e 4x200m livre


Departamento de Comunicação - CBDA