CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Pólo Aquático

07/07/2015 21:49:37

Brasil vence Canadá com torcida contra e demonstra que chegou a maioridade


Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015

Foto: Brasil vence Canadá com torcida contra e demonstra que chegou a maioridade
07/07/2015 21:49:37

Toronto/CAN - Os medalhistas de bronze da Liga Mundial estrearam muito bem no Pan de Toronto. A seleção brasileira masculina de polo aquático venceu o anfitrião Canadá por 11-9, demonstrando autoridade, maturidade, talento e sangue-frio quando o adversário esboçava reação. As parciais foram de BRA 4:2 CAN, 3:4, 4:1, 0:2. O Brasil volta a jogar nesta 4ª feira, 8/07, contra a Venezuela, a partir das 21h08 (hora de Brasília) no encerramento da jornada. Todos os jogos acontecem no ‘Atos Markham Pan Am / Parapan Am Centre’.

O Brasil começou jogando com Vinícius, Jonas, Salemi, Bernardo Gomes, Àdria, Felipe Silva e Perrone. A arbitragem coube aos árbitros neutros, o húngaro Mark Maretzki e o espanhol Jaum Teixido. Os goleadores do Brasil no jogo de hoje (ter) foram Felipe Perrone (3), Àdria Delgado (2), Jonas Crivella, Bernardo Gomes, Guilherme Gomes, Grummy, Felipe Silva e Josip Vrlic. Com exceção do goleiro Thyê, todos os jogadores entraram na partida. Os gols canadenses foram de George Torakis, Scott Robinson, Justin Boyd (2), Nicolas Bicari, Oliver Vikalo e John Conway (3). O Brasil terminou o jogo com um aproveitamento de 50% nos homens a mais (4 em 8). Já o Canadá acertou apenas 1 em 7.

Como o outro jogo da chave B terminou empatado – Venezuela 9-9 México (3:1, 1:4, 3:2, 2:2), os brasileiros saíram na frente do grupo, com dois pontos, seguidos por venezuelanos e mexicanos, com um, e os canadenses, sem pontos. Os artilheiros da partida entre Venezuela e México foram o venezuelano Angel Borges e o mexicano Perseo Ponce, ambos com três gols.

O Brasil começou como um 'rolo compressor', abrindo três gols, mas antes do fim do período, os canadenses, movidos aos gritos e buzinas da boa torcida que veio ao parque aquático, diminuiu para 2 a 3. Faltando 25 segundos, Perrone abriu vantagem novamente para o Brasil: 4 a 2. No segundo período quem veio a toda, sem freio, foram os canadenses. Não só chegaram ao empate como viraram o marcador para 5 a 4. O Brasil reagiu e provocou nova mudança de vantagem no placar: 6 a 5 para a seleção brasileira. O Canadá empatou novamente, mas faltando 11 segundos pro fim do período, o Brasil marcou com o centro Josip Vrlic, em bela assistência de Perrone, olhando pra um lado e passando pro outro.

O terceiro período começou com um penalti pra cada lado. Primeiro Perrone marcou para o Brasil, e um minuto depois, John Conway marcou para o Canadá. O restante do quarto foi brasileiro, que abriu a maior vantagem da partida, quatro gols, ao fazer 11 a 7. O período final foi administrado pelos brasileiros, apesar de um pouco de tensão com os dois gols canadenses. Faltando 1'05”, o Canadá perdeu um penalti, com Justin Boyd chutando na trave.

Como lembrou o capitão Perrone, o Brasil não vencia o Canadá há muito tempo, “acho que cinco anos, e o jogo com eles vai até o final, nunca dá pra relaxar, ainda mais aqui dentro”. Na Copa Uana de Toronto, em janeiro, que serviu como Pré-Mundial e Evento-teste para os Jogos de Toronto, Brasil e Canadá decidiram o torneio, já classificados para o Mundial de Kazan. Na ocasião, o Canadá venceu por 8 a 6. Na fase de classificação, os dois times empataram em quatro gols.

- Esta vitória foi muito importante para marcar nosso nome neste Pan. Se tudo correr bem contra a Venezuela amanhã (qua), estabelecemos um bom caminho para sonhar chegar a final. Temos que entrar com bastante seriedade, pois a priori não teríamos dificuldade em vencer, mas em competição de alto nível, isto não existe – disse Perrone, que também analisou a evolução brasileira e o seu papel de líder. - Este é um esforço de muita gente, a começar pelo presidente Coaracy, passando por uma série de pessoas, incluindo a mídia, médico, fisioterapeuta, em busca deste sonho olímpico, e este sonho é grande. Eu me sinto racional há muito tempo e digo que temos que manter o foco, pois não há tempo para aprender com o erro, pois falta muito pouco para as Olimpíadas. O Brasil está saindo de um semi-amadorismo para uma sequencia de entrevistas na mídia. Daí eu tento guiar meus companheiros não só na água como também fora. Apresentamos um jogo coletivo muito bom – oito jogadores balançaram as redes – e precisamos disto, este é o caminho quando enfrentamos um rival como o Canadá em que os jogadores são bem mais altos do que nós.


Sequência de gols:
1º quarto = BRA 1-0 (#8 Felipe Santos, 5'54”) / BRA 2-0 (#10 Perrone, 4'09”) / BRA 3-0 (#11 Grummy, 2'12”) / CAN 1-3 (#3, Oliver Vikalo, 1'59”) / CAN 2-3 (#10 John Conway, 51”) / BRA 4-2 (#10 Perrone, 25”)

2º quarto = CAN 3-4 (#5 Justin Boyd, 7'20”) / CAN 4-4 (#10 Jonh Conway, 6'38”) / CAN 5-4 (#11 George Torakis , 5'32”) / BRA 5-5 (#2 Jonas, 4'50”) / BRA 6-5 (#7 Àdria, 3'46”) / CAN 6-6 (#6 Scott Robinson, 2'57”) / BRA 7-6 (#12 Josip, 11”)

3º quarto = BRA 8-6 (#10 Perrone, penalti, 7'32”) / CAN 7-8 (#10 Jonh, penalti, 6'31”) / BRA 9-7 (#7 Àdria, 6'10”) / BRA 10-7 (#6 Bernardo Gomes, 4'02) / BRA 11-7 (#6, Guilherme Gomes, 34”)

4º quarto = CAN 8-11 (#5 Boyd, 5'18”) / CAN 9-11 (#4 Nicolas Bicari, 4'12”)

Seleção Brasileira

Masculina = 1 - Vinícius Antonelli / 2 - Jonas Crivella / 3 - Guilherme Gomes / 4 -  Ives Alonso  / 5 - Paulo Salemi / 6 - Bernardo Gomes / 7 - Ádria Delgado / 8 - Felipe Silva / 9 - Bernardo Reis / 10 - Felipe Perrone (capitçao) / 11 - Gustavo "Grummy" Guimarães / 12 - Josip Vrilic / 13 - Thyê Matos. Técnico: Ratko Rudic / Auxiliares-técnico: Eduardo Abla / Ângelo Coelho.


Resultados
Dia 7/07

Grupo A = EUA 27-0 Equador
Grupo B = Venezuela 9-9 México / Brasil 11-9 Canadá

PROGRAMAÇÃO  DO POLO AQUÁTICO BRASILEIRO - HORA LOCAL (HORA DE BRASÍLIA)

Dia 8/07 – 4ª feira
20h08 (21h08) – Venezuela x Brasil – POLO M – grupo B

Dia 9/07 – 5ª feira
8h08 (9h08) – Venezuela x Brasil – POLO F – grupo B
16h08 (17h08) – Brasil x México  – POLO M – grupo B

Dia 11/07 – sábado
12h08 (13h08) – Porto Rico x Brasil – POLO F – grupo B

Dia 12/07 – domingo
18h08 (19h08) – Semifinal – POLO F
20h08 (21h08) – Semifinal – POLO F

Dia 13/07 – 2ª feira
18h08 (19h08) – Semifinal – POLO M
20h08 (21h08) – Semifinal – POLO M

Dia 14/07 – 3ª feira
18h08 (19h08) – Disputa do bronze – POLO F
20h08 (21h08) – Disputa do ouro – POLO F

Dia 15/07 – 4ª feira
18h08 (19h08) – Disputa do bronze – POLO M
20h08 (21h08) – Disputa do ouro – POLO M



Souza Santos - direto de Toronto