CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Pólo Aquático

09/02/2017 23:26:51

Brasileiros e argentinos jogam pela vaga no Mundial de Budapeste


Copa Uana 2017

Rio de Janeiro/RJ - As seleções de polo aquático de Brasil e Argentina jogam hoje pela classificação para o Mundial de Esportes Aquáticos, em julho, na capital da Hungria, Budapeste. A partida será válida pela semifinal da Copa Uana de polo aquático masculino, em Port of Spain, capital de Trinidad & Tobago. Na outra semifinal, o Canadá deve garantir sua vaga no Mundial no jogo contra o anfitrião Trinidad, que foi goleado em todas as partidas da fase de classificação. Na primeira fase, os brasileiros passaram pela Argentina por 9 a 3. 

Na última rodada da primeira fase, na noite desta 5ª feira, 9/02, a seleção brasileira, mesmo jogando pelo empate, foi derrotada pelo Canadá por 8 a 4, que demonstrou estar muito forte fisicamente e optou por marcação por pressão na defesa brasileira. Os O jogo foi equilibrado e o Brasil começou bem, saiu na frente, mas perdeu um pênalti que iria ampliar a vantagem. No outro jogo da rodada, vitória argentina sobre Trinidad por 17 a 1. 

Nesta 6ª feira, 10/02, acontece o cruzamento olímpico, com os vencedores garantindo presença no Mundial. Brasil e Argentina jogam às 21h30, enquanto Canadá x Trinidad começa às 20 horas, de Brasília. O torneio termina no sábado, 11/2, com a disputa da medalha de bronze às 13h e decisão às 14h30, no horário brasileiro.

No feminino, o Brasil já está classificado porque apenas brasileiras e canadenses se inscreveram na competição. 

Resultados
Dia 7/2 - Brasil 9 x 3 Argentina / Canadá 35 x 1 Trinidad
Dia 8/2 - Brasil 29 x 5 Trinidad / Argentina 9 x 8 Canadá
Dia 9/2 - Brasil 4 x 8 Canadá / Argentina 17 x 2 Trinidad

Brasil = 1 - Slobodan Soro /  2 - Marcos Junior / 3 - Luis Ricardo / 4 - Gustavo Coutinho / 5 - Roberto Freitas / 6 - Guilherme Almeida / 7 - Pedro Vergara Real /  8 - Marcos Pedrosa / 9 - Bernardo Reis Rocha / 10 - Pedro Stellet  / 11 - Gustavo "Grummy" Guimarães / 12 - Anderson Cruz / 13 - Leonardo Silva. O técnico é Ângelo Coelho. A comissão técnica é completada pelo preparador-físico William Morales e pelo vídeo-analista João Brandão. A médica da equipe é a doutora Claudia Coutinho. O chefe da delegação é Ricardo Cabral. O árbitro brasileiro é Edmundo Rodrigues. 

O Polo Aquático Brasileiro conta com recursos dos Correios - Patrocinador Oficial dos Desportos Aquáticos Brasileiros -, e ainda do Bradesco/Lei de Incentivo Fiscal, Lei Agnelo/Piva - Governo Federal - Ministério do Esporte, COB, Speedo e Estácio.



Eliana Alves / Souza Santos / Mariana de Sá