CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Saltos Ornamentais

09/11/2017 20:53:40

Associação Salto para o Futuro larga na frente no primeiro dia do Brasileiro Interclubes de saltos ornamentais


Equipe do Distrito Federal somou o maior número de pontos após as provas realizadas nesta quinta-feira.

Foto: CBDA/Divulgação Associação Salto para o Futuro larga na frente no primeiro dia do Brasileiro Interclubes de saltos ornamentais
09/11/2017 20:53:40

(Gama, 9 de novembro de 2017) A Associação Salto para o Futuro largou na frente na disputa pelo título do Campeonato Brasileiro Interclubes Grupos C e D de Saltos Ornamentais. A equipe do Distrito Federal somou o maior número de pontos nas disputas realizadas nesta quinta-feira (9), na piscina do Clube Olímpico e Paralímpico do Gama, no Distrito Federal. A competição segue até o próximo sábado (11).

Nas provas desta quinta-feira (9), a atleta Maria Paula Vieira, da Associação Salto para o Futuro, conquistou a medalha de ouro no trampolim de 1 m Grupo D (crianças até 11 anos). Depois de apresentar seus saltos, a competidora somou 183,05 pontos e venceu a prova. Heloá Camelo, do Centro Olímpico do Gama, com 175,10, ficou com a prata e Janine Freitas, também da Salto para o Futuro, terminou com o bronze após fazer 162,55 pontos. 

Também na manhã desta quinta-feira, a prova de trampolim de 3m masculino Grupo D movimentou o público no Gama. Com 194,10 pontos, José Arthur Abrantes, do Grêmio CIEF, conquistou o ouro e se tornou campeão brasileiro. Em seguida na classificação, Gabriel Lubas, da Associação Brasiliense de Saltos Ornamentais, terminou com a prata e Miguel Cardoso, da Associação Salto para o Futuro, com o bronze.

No período da tarde, foi a vez dos atletas do Grupo C (12 e 13 anos) caírem na piscina. Na prova de plataforma, Paula Raíssa, da Salto para o Futuro, ficou com o ouro depois de somar 181,85 pontos com seus saltos. Em segundo lugar, ficou Catherine Cavalcante, também da Salto para o Futuro, e Luiza Lopes, do Pinheiros, terminou em terceiro.

Na sequência, foi a vez dos meninos mostrarem todo seu talento no trampolim de 3m. Após todas as apresentações, Rafael Max, do Centro Olímpico do Gama, terminou com o ouro (318,15 pontos), seguido de Rafael Fogaça, da Associação Brasiliense de Saltos Ornamentais, que fez 280,60 pontos, e Kaue Emílio, do Clube Semanal de Cultura Artística de Campinas, que conseguiu 263,50.

Na última prova do dia, as meninas disputaram o salto sincronizado de trampolim de 1m. Depois de todas as apresentações, Catherine Cavalcanti e Paula Souza, da Salto para o Futuro, fizeram 182,37 pontos e terminaram a prova com a medalha de ouro da competição. A dupla Julia Costa e Kayllane Reis terminou com a prata e Débora Ciocler e Gabrieli Tamashiro com o bronze.

Depois de todas as provas desta quinta-feira, a Associação Salto para o Futuro soma 139 pontos, seguida pela Associação Brasiliense de Saltos Ornamentais com 75 e o Grêmio CIEF em terceiro com 69.

A competição segue nesta sexta-feira e termina no próximo sábado. O torneio é fruto de uma parceria entre a CBDA, os Correios, o Comitê Brasileiro de Clubes, o Instituto Pró Brasil, Lei de Incentivo ao Esporte e o Ministério do Esporte.

Veja a programação dos próximos dias

10/11 – SEXTA-FEIRA

09:00 – 12:00  Plataforma Masculino Grupo D

Trampolim de 3m Feminino Grupo D

Trampolim de 1m Masculino Grupo C

14:00 – 18:00  Trampolim de 1m Feminino Grupo C

Plataforma Feminino Grupo D

Trampolim de 1m Masculino Sincronizado Grupos C/D

11/11 – SÁBADO

09:00 – 12:00  Trampolim de 1m Masculino Grupo D

Trampolim de 3m Feminino Grupo C

Plataforma Masculino Grupo C

Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA)

Fundada como Confederação Brasileira de Natação (CBN), em 21 de outubro de 1977, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos completou 40 anos de fundação, em 2017. Atualmente, o presidente da CBDA é Miguel Cagnoni.

A nomenclatura foi mudada em 1988 para adequação, já que a CBDA administra cinco modalidades: natação, maratona aquática, pólo aquático, saltos ornamentais e nado sincronizado. A CBDA, atualmente, tem todos os 26 estados brasileiros, além do Distrito Federal, como federações filiadas.

Os Correios, patrocinador oficial da entidade, é parceiro da Confederação desde 1991 e é parte de todas as medalhas e formação de novos atletas nas cinco modalidades.


Departamento de Comunicação - CBDA