CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

Últimos destaques

06/06/2017 19:25:26

Camp. Bras. Interclubes - Grupos A e B


REGULAMENTO

- CAMPEONATO BRASILEIRO INTERCLUBES GRUPOS DE IDADE

Etapa 1 - Grupos A e B e Etapa 2 – Grupos C e D

- CAMPEONATO BRASILEIRO INTERCLUBES – TORNEIO NACIONAL

1- Os Campeonatos Brasileiros Interclubes de Grupos de Idade e o Torneio

Nacional categoria experientes seguirão as regras da FINA;

Grupos A e B (Etapa 1)

1 metro 3 metros Plataforma

B Feminino 5 ( 9.0 ) + 3 s/limite 5 ( 9.5 ) + 3 s/limite 4 (7.6 ) + 3 s/limite

B Masculino 5 ( 9.0 ) + 4 s/limite 5 ( 9.5 ) + 4 s/limite 4 (7.6 ) + 4 s/limite

A Feminino 5 ( 9.0 ) + 4 s/limite 5 ( 9.5 ) + 4 s/limite 4 (7.6 ) + 4 s/limite

A Masculino 5 ( 9.0 ) + 5 s/limite 5 ( 9.5 ) + 5 s/limite 4 (7.6 ) + 5 s/limite

A/B Sincronizado de 3 metros: 2 + 3 (mínimo de 4 grupos de saltos)

• Nas provas de plataforma grupo A feminino, deverão ser utilizados pelo menos cinco grupos de saltos. No masculino, os seis grupos de saltos devem ser utilizados;

Grupos C e D (Etapa 2)

1 metro 3 metros Plataforma

D Feminino 3 ( 5.4 ) + 3 s/limite 3 ( 5.4 ) + 3 s/limite 3 ( 5.4 ) + 3 s/limite

D Masculino 3 ( 5.4 ) + 3 s/limite 3 ( 5.4 ) + 3 s/limite 3 ( 5.4 ) + 3 s/limite

C Feminino 5 ( 9.0 ) + 2 s/limite 5 ( 9.5 ) + 2 s/limite 4 ( 7.6 ) + 2 s/limite

C Masculino 5 ( 9.0 ) + 3 s/limite 5 ( 9.5 ) + 3 s/limite 4 ( 7.6 ) + 3 s/limite

C/D Sincronizado de 1 metro: 2 + 3 (mínimo de 4 grupos de saltos)

2- Os casos que não estão presentes nas regras da FINA seguirão este regulamento;

3- Nas provas do Campeonato Brasileiro Interclubes de Grupos de Idade serão realizadas apenas finais;

4- Nas competições individuais, cada clube poderá inscrever um número ilimitado de atletas em cada prova, porém apenas as duas melhores colocações serão validadas e marcarão pontos para a equipe;

5- Poderão ser inscritas duplas e equipes com atletas de diferentes clubes. Neste caso, os pontos serão divididos;

6- Nas provas de saltos sincronizados ou por equipe, cada clube poderá inscrever mais de uma dupla ou equipe, porém só será considerado o resultado da melhor dupla/equipe,

mesmo sendo composta por atletas de clubes diferentes;

7- O Campeonato Brasileiro Interclubes Torneio Nacional será dividido em duas categorias:

Experiente e Iniciante;

8- Serão classificados como Iniciantes aqueles atletas que nunca participaram de competições com as regras da FINA;

9- Serão classificados como Experientes aqueles atletas que cumprirem as exigências da FINA em relação a sua categoria;

10- Para os atletas da categoria Iniciante haverá apenas uma prova onde os atletas poderão saltar do trampolim de 1 metro, trampolim de 3 metros e/ou plataforma de 5 metros;

11- Para os atletas da categoria Experiente, poderá haver as provas de trampolim de 1 metro e trampolim de 3 metros e plataforma;

12- Não haverá limite de número de atletas inscritos por clube;

13- A categoria Experientes será dividida por idade de acordo com as categorias da FINA e a Categoria Iniciante conforme demonstrado abaixo.

Experientes

Categorias Idade (até 31 de dezembro do ano da competição)

Grupo E Até 9 anos

Grupo D 10 e 11 anos

Grupo C 12 e 13 anos

Iniciantes

Categorias Idade (até 31 de dezembro do ano da competição)

Grupo E Até 9 anos

Grupo D 10 e 11 anos

Grupo C 12 e 13 anos

Do Grau de Dificuldade (GD)

Tabela de Saltos e Grau de Dificuldade da Categoria Iniciantes

Saltos 1 metro 3 Metros 5 metros

Frente

100A 1.1 1.2 1.3

100C 1.2 1.3 1.4

100B 1.3 1.4 1.5

Entrada de Frente (em pé) 1.3 1.4 1.5

Entrada reloginho C - 1.5 1.6

Entrada reloginho B - 1.6 1.7

101C 1.7 1.9 1.9

102C * 1.9 1.9 2.0

103C * 2.1 2.0 2.1

Costas

200A 1.3 1.4 1.5

200C 1.4 1.5 1.6

200B 1.5 1.6 1.7

Entrada de costas A 1.5 1.6 1.7

Entrada de costas B - 1.7 1.8

Entrada de costas C - 1.8 1.9

201C 2.2 2.3 2.4

202C 1.9 2.0 2.0

Revirado

400A - - 1.5

400C - - 1.6

400B - - 1.7

401C 1.9 2.0 2.0

402C 2.2 2.0 2.2

Ponta pé

300A - - 1.3

300C - - 1.4

300B - - 1.5

301C 2.4 2.5 2.5

302C 2.1 2.2 2.1

Parafuso

5111A 2.0 2.2 2.0

5122D 2.5 2.6 -

5211A 2.0 2.2 2.0

5221D * 2.4 2.4 -

Parada de Mãos (plataforma)

600A - - 2.0

612C - - 2.2

612B - - 2.3

14 - A categoria Iniciante apenas poderá realizar os saltos que estão na tabela acima e na posição indicada;

15 A categoria Experiente seguirá a tabela de saltos e grau de dificuldade da FINA.

DOS SALTOS

16 - A categoria Iniciante seguirá os seguintes critérios:

Iniciantes

Categorias Saltos: 1 e 3 metros e plataforma de 5 metros

Grupo E Os atletas dessa categoria realizarão 3 saltos, ficando livre a escolha da altura em que será realizado o salto. Os atletas não poderão repetir nenhum salto, independente da altura.

Grupo D Os atletas dessa categoria realizarão 4 saltos, ficando livre a escolha da altura em que será realizado. Os atletas não poderão repetir nenhum salto, independente da altura.

Grupo C Os atletas dessa categoria realizarão 5 saltos, ficando livre a escolha da altura em que será realizado o salto. Os atletas não poderão repetir nenhum salto, independente da altura.

17- Os atletas da categoria Iniciantes não poderão realizar saltos com pulo para ponta. Entretanto, será permitido que estes atletas efetuem um quique no trampolim antes de saírem para os saltos de frente ou pontapé;

18- A Categoria Experiente saltará as provas de trampolim de 1 metro e 3 metros e plataforma e seguirá as regras da FINA;

DAS DELEGAÇÕES

19- Cada clube poderá levar:

• 1 Chefe de equipe;

• 1 Fisioterapeuta;

• 1 Técnico e 1 Auxiliar técnico por categoria e sexo:

• Juvenil e Infantil para o Campeonato Brasileiro de Grupos de Idade;

• Experiente e Iniciante para o Torneio Nacional;

INSCRIÇÕES

20- Os boletins para as competições nacionais deverão ser emitidos pela CBDA com pelo menos 60 dias de antecedência do início da competição;

21- No boletim deverá conter a programação completa, endereço do local da competição, horário e local para o Congresso Técnico e documentos necessários que cada clube deve levar de sua delegação;

22- Os Clubes deverão inscrever seus atletas em até no máximo 30 dias de antecedência da realização das competições, por meio do e-mail [email protected];

23- Não será cobrada nenhuma taxa dos atletas dos clubes filiados ou vinculados ao CBC.

PREMIAÇÕES

Campeonato Brasileiro Interclubes Torneio Nacional de Saltos Ornamentais

24- Iniciantes:

• Os 3 primeiros colocados de cada categoria receberão a premiação de acordo com sua colocação (ouro, prata e bronze);

• Todos os atletas que não ficarem entre os três primeiros, serão premiados com medalhas de participação;

25- Experientes:

• Serão premiados os atletas classificados em primeiro, segundo e terceiro lugar no trampolim de 1 metro, 3 metros e plataforma de cada categoria;

Premiação por equipes:

• Todos os atletas e técnicos inscritos na competição receberão diploma de participação;

• Todas as equipes que participarem do Torneio Nacional com pelo menos doze atletas receberão um troféu de participação;

Campeonato Brasileiro Interclubes de Grupos de Idade 

26- Serão premiados com medalhas de ouro, prata e bronze os atletas que conquistarem, respectivamente, a primeira, segunda e terceira colocação em cada prova;

27- Todos os atletas e técnicos inscritos na competição receberão diploma de participação;

28- Haverá premiação por equipes, onde serão premiadas com troféus as equipes que terminarem em primeiro, segundo e terceiro lugar;

Para a premiação por equipes, será feito um somatória da pontuação de acordo com a colocação dos atletas em cada prova, conforme quadro a seguir:

Colocação / Pontuação para a Equipe

1o 21 pontos

2o 18 pontos

3o 15 pontos

4o 12 pontos

5o 10 pontos

6o 8 pontos

7o 6 pontos

8o 5 pontos

9o 4 pontos

10o 3 pontos

11o 2 pontos

12o 1 ponto

Troféu Eficiência Tereza Braga

29- Será oferecido ao atleta que somar mais pontos em sua categoria para a sua equipe relativos a classificação entre as provas de 1m, 3m e plataforma individual;

30- Havendo empate entre dois ou mais atletas, vencerá o atleta que obtiver mais pontos, somando as pontuações das provas individuais;

ARBITRAGEM

31- Os árbitros serão indicados pela CBDA, e preferencialmente serão das cidades dos Clubes participantes.

32- O árbitro selecionado para participar de uma competição não poderá estar atuando como técnico nesta mesma competição;

33- Tanto para o Campeonato Brasileiro de Grupos de Idade quanto para o Torneio Nacional o corpo de arbitragem será composto de:

2 coordenadores (Geral e de Arbitragem)

15 árbitros de julgamento;

05 árbitros de mesa;

34- Fica estabelecida a seguinte remuneração para a arbitragem:

Árbitros de julgamento e mesários – 250,00 por dia de competição.

Coordenadores (Geral e de Arbitragem) – 300,00 por dia de competição.

ESTRUTURA MÍNIMA

35- O local de realização de uma competição oficial da CBDA deve oferecer condições mínimas, como segurança, limpeza, lanchonete e piscina adequada e com as exigências técnicas mínimas para realizar todas as provas do evento, além:

Sonorização

3 Tendas

Internet

Pódium

36- Em todas as competições oficiais da CBDA é obrigatória a presença de uma

ambulância básica com técnico de enfermagem e brigadista;

OUTRAS CONDIÇÕES

37- Todos os atletas, técnicos, delegados e árbitros que viajarem com passagens

custeadas pela parceria com CBC deverão guardar os cartões de embarque de todos

os trechos da viagem e entregar quando solicitado;

38- O clube sede da competição é responsável por fazer a divulgação da mesma em sua

cidade, a fim de atrair público para prestigiar o evento;

39- Para inscrição e participação nas competições oficiais da CBDA, todos os atletas

deverão estar devidamente registrados e em dia com as taxas da Federação;

É OBRIGATÓRIO

40- Seguro de Vida e de Acidentes Pessoais - contratação de seguro de vida e de

acidentes pessoais com despesas Médico-Hospitalares e Odontológicas, vinculado à

atividade desportiva, para todos os atletas participantes, com o objetivo de cobrir os

riscos a que eles estão sujeitos.

41- Uniformes para todos atletas das entidades filiadas e vinculadas participantes, com o “selo de formação de atletas" do CBC, para que sejam obrigatoriamente utilizados durante o campeonato (conforme Manual de aplicação de selo formação de atletas do CBC).