Notícias

Cielo bate sul-americano e Dubai já tem 19 brasileiros

24/09/2010

Rio de Janeiro/RJ – No quarto dia de finais e semifinais do Troféu José Finkel de Natação, na manhã desta sexta-feira, 24/09, Cesar Cielo bateu o recorde sul-americano dos 100m livre e chegou a 19 a soma dos atletas para o Mundial em Piscina Curta de Dubai.

O Finkel é a última seletiva para o Campeonato Mundial em Piscina Curta, de 15 a 19 de dezembro, em Dubai. Após o fechamento de 24 provas do programa, 19 atletas estão com nome certo na delegação brasileira. A lista completa só será divulgada após as finais de domingo, 26/09.

Nas semifinais dos 100m livre, fortes emoções. Recorde sul-americano de Cesar Cielo e seis atletas brigando com força pelo índice para o Campeonato Mundial. Cielo, do Flamengo, marcou 46s13 e bateu o recorde do continente do ano passado (46s30) de Nicolas Oliveira, do Pinheiros.

O tempo se aproxima do recorde das Américas, 45s56, que é do canadense Brent Hayden, na Copa do Mundo de 2009. Cesar disse que vai tentar baixar da casa de 46 segundos na final, mas que está feliz com o que conseguiu até agora.

– Espero que consiga baixar pra 45 segundos, vou fazer o máximo, mas a pontuação desse recorde foi importante para o Flamengo e para mim também porque o atleta que foi campeão olímpico e mundial estava um pouco preso aqui dentro. Estou nadando como o cara que foi o campeão olímpico e mundial e não aquele do Pan-Pacífico (competição nos Estados Unidos, em agosto). Foi uma prova muito boa – disse.

Apesar da luta feroz pelos lugares dos 100m livre em Dubai, por enquanto as vagas estão nas mãos de Cesar Cielo e Marcelo Chierighini, do Pinheiros. Com tanta gente com tempo abaixo do índice na distância, a equipe de revezamento 4x100m livre também se fortalece e motiva a melhora das marcas.

A americana Jessica Hardy (53s89), do Flamengo, foi a melhor da primeira série semifinal dos 100m livre feminino, seguida por Tatiana Lemos Barbosa (54s04), do Pinheiros.

Outra semifinal eletrizante foi a de 50m peito masculino. Assim como nos 100m livre, muita gente brigando para ser um dos dois melhores e carimbar o passaporte para Dubai.

Felipe França Silva (26s35), do Pinheiros, em mais um tempo que fica no topo da temporada mundial, bateu o próprio recorde da competição e entra na final na riaa quatro.

A mudança aconteceu na segunda vaga da prova para o Mundial, pois João Gomes Júnior (26s75), também do Pinheiros, passou Henrique Barbosa (26s79), do Flamengo.

Na versão feminina da prova, Jessica Hardy (30s39), do Flamengo, fez a melhor marca para a final com recorde de campeonato.

Eliana Alves / Souza Santos / Mariana de Sá

Compartilhar:

Leia Mais

Patrocinadores