CBDA, Natação, Polo Aquático, Maratonas Aquáticas, Saltos Ornamentais

CBDA

28/02/2019 16:15:27

Braçadas Regionais: Federação Aquática do Mato Grosso do Sul tem novo presidente


Marcelo Tiago é o novo presidente de FEDAMS

Foto: Divulgação Braçadas Regionais: Federação Aquática do Mato Grosso do Sul tem novo presidente
28/02/2019 16:15:27

(Rio de Janeiro, 28 de fevereiro de 2019) A Federação Aquática do Mato Grosso do Sul tem um novo presidente. Em 2019, após dez anos de mandato do árbitro FINA Jefferson Borges, Marcelo Tiago assume o comando da FEDAMS até 2022. Em entrevista, o novo presidente falou dos desafios e dos projetos que possui para os esportes aquáticos no Estado.

Eleito em novembro de 2018, Marcelo Tiago assumiu o cargo no dia 1º de janeiro de 2019. De acordo com o novo presidente, um dos projetos da Federação é ampliar o número de praticantes e de clubes associados. Atualmente, o Mato Grosso do Sul possui apenas cinco clubes filiados à FEDAMS.

“Encaro esse desafio com muito trabalho. São poucos árbitros Fina que existem no Brasil e nós temos um aqui no nosso Estado. Precisamos aproveitar isso. Queremos melhorar essa parte, além da parte técnica e comunicação da Federação. Precisamos “vender” mais a FEDAMS, ou seja, que a vida da Federação seja rentável. Isso nós vamos conseguir com mais praticantes das modalidades aquáticas”, disse.

Outro desafio do novo presidente é fazer com que as modalidades cheguem às outras partes do Estado. Segundo Marcelo Tiago, a prática dos esportes aquáticos no Mato Grosso do Sul é concentrada em Campo Grande, capital do Estado.

“Quero descentralizar a Natação, que fica muito na capital. Nossa primeira competição será em Jardim. Precisamos fazer mais eventos no interior. A nossa intenção é fazer com que os jovens tomem gosto pelas nossas modalidades”, completou.

A primeira ação da nova gestão da FEDAMS será levar uma edição da Clínica Brasil A Fora para o Estado. O projeto, que é fruto de uma parceria entre a CBDA e a FINA, tem o objetivo de capacitar treinadores das categorias de base nos cinco esportes aquáticos. A clínica em Mato Grosso do Sul será de Saltos Ornamentais.

“Conseguimos trazer uma clínica do projeto Brasil a Fora que é bastante importante e nos Saltos Ornamentais. Gostaria inclusive de agradecer ao supervisor de Saltos Ornamentais, Cassius Duran, que atendeu prontamente ao nosso pedido para que essa clínica se torne possível”, finalizou o novo presidente.


Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA)

Fundada como Confederação Brasileira de Natação (CBN), em 21 de outubro de 1977, a Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos completou 40 anos de fundação, em 2017. Atualmente, o presidente da CBDA é Miguel Cagnoni.

A nomenclatura foi mudada em 1988 para adequação, já que a CBDA administra cinco modalidades: natação, maratona aquática, pólo aquático, saltos ornamentais e nado sincronizado. A CBDA, atualmente, tem todos os 26 estados brasileiros, além do Distrito Federal, como federações filiadas.

O Correios, patrocinador oficial da entidade, é parceiro da Confederação desde 1991 e é parte de todas as medalhas e formação de novos atletas nas cinco modalidades.


Departamento de Comunicação - CBDA